KWENDA nas zonas urbanas 

    0
    126

    Teve lugar, neste sábado, 03 de Novembro de 2022, no Município de Cabinda, Província com o mesmo nome, o acto público que marca a expansão da componente das Transferências Sociais Monetárias do Programa de Fortalecimento da Protecção Social-KWENDA, às zonas urbanas.

    Há um ano, Cabinda já testemunhou a expansão da componente da Inclusão Produtiva nessas zonas. Esta componente tem como objectivo apoiar as iniciativas económicas das famílias em situação de pobreza e vulnerabilidade, ao passo que as Transferências Sociais Monetárias visam atribuir uma renda às famílias na mesma situação. Hoje, em simultâneo, iniciaram as Transferências Sociais Monetárias nos municípios de Cabinda e Cacongo.

    Numa primeira fase, nas zonas urbanas, o Programa está a apoiar quatro categorias de vulnerabilidade, nomeadamente, pessoas com deficiência, pessoas com albinismo, portadores de doenças crónicas e idosos. Com este passo, o KWENDA passou a ser implementado em todos os municípios da Província de Cabinda, depois de Belize e Buco Zau.

    Em vigor desde 2020, o KWENDA é um programa do Governo de Angola, que visa apoiar 1.608.000 famílias em situação de pobreza e vulnerabilidade.
    Avaliado em 420 milhões USD, é financiado em 320 milhões USD pelo Banco Mundial e em 100 milhões USD provenientes do Tesouro Nacional.

    O Programa é implementado pelo FAS, agência governamental, dotada de personalidade jurídica, autonomia financeira e administrativa. Em coordenação com outras instituições de combate à pobreza, o FAS contribui para a promoção do desenvolvimento sustentável das comunidades.