KWENDA cadastra cerca de 16.000 famílias no Camucuio

    0
    78

    No âmbito da expansão do Programa de Fortalecimento da Proteção Social -KWENDA, arrancou, nesta segunda feira, 30 de Maio de 2022, no Município do Camucuio, Província do Namibe, o processo de cadastramento de 15.694 Agregados Familiares em situação de vulnerabilidade.

    O processo abrange as quatro comunas do Município do Camucuio, nomeadamente, Cacimbas, Chingo, Mamue e a Sede.

    O acto de abertura foi presidido pelo Administrador Municipal Adjunto António Nkulumjo. Na mesma ocasião foram entregues equipamentos de trabalho para o cadastramento de casa a casa aos Agentes de Desenvolvimento Comunitário e Sanitário (ADECOS).

    O KWENDA é uma iniciativa do Governo de Angola, cuja responsabilidade de implementação está a cargo do FAS. Implementado desde 2020, visa apoiar em todo o País 1.608.000 famílias angolanas em situação de pobreza ou vulnerabilidade. Financiado em 320 milhões USD pelo Banco Mundial e em 100 milhões USD pelo Tesouro Nacional, já está em 42 municípios das 18 províncias e tem em funcionamento 15 Centros de Acção Social Integrados (CASI). Os CASI são infraestruturas sociais que estão a ser criados pelo Programa KWENDA, cuja finalidade é oferecer às comunidades serviços essenciais, nomeadamente, o tratamento de Bilhete de Identidade, Cédula, entre outros documentos, bem como intermediar conflitos de vária ordem. O KWENDA tem igualmente as componentes da Inclusão Produtiva que visa apoiar as iniciativas económicas famílias, bem como a componente do Reforço do Cadastro Social Único. Este visa reunir informação sobre a vulnerabilidade nas famílias, com base na qual o Estado irá traçar as políticas públicas.