Banco Mundial avalia Acções do KWENDA na Huíla

    0
    430

    No âmbito da Avalição Técnica das Acções do Programa KWENDA, uma equipa do Banco Mundial efectuou ontem, 02 de Março de 2023, uma visita ao Município da Humpata, Província da Huíla. A equipa desta Instituição Financeira Internacional, cuja Missão teve início na Direcção Geral do FAD-Instituto de Desenvolvimento Local, em Luanda, esteve liderada pelo Boban Paul. Por sua vez, a equipa do FAS esteve liderada pelo seu Director Geral, Belarmino Jelembi, acompanhado dos directores provinciais da Huíla, Cunene, Namibe e Cuando-Cubango. O FAS esteve igualmente acompanhado da Chefe de Departamento da Direcção Nacional do Ministério da Acção Social Família e Promoção da Mulher (MASFAMU), Margarida Leite.

    A Missão de Avaliação teve como paragem a aldeia de Ntundualumbe, Comuna da Batabata, ficando marcada pela auscultação aos beneficiários das Transferências Sociais Monetárias, que partilharam as várias formas de como têm usado o referido benefício. O Banco Mundial ouviu igualmente utentes do Centro de Acção Social e Integrado.

    Ao Banco Mundial, além dos dados da Huíla, o FAS partilhou ainda os dados das províncias do Cunene, Namibe e Cuando Cubango.

    As Transferências Sociais Monetárias consistem na atribuição de uma renda às famílias em situação de pobreza e vulnerabilidade. A Municipalização da Acção Social, outra componente do Programa KWENDA, visa a Inclusão Social das famílias, aproximando-as aos serviços sociais básicos. O Cadastro Social Único, quarta e última componente, tem como objectivo reunir informações das famílias em situação de pobreza e vulnerabilidade em todo o País.

    O KWENDA é um programa do Governo de Angola que visa apoiar as famílias em situação de pobreza ou vulnerabilidade no País. Avaliado em 420 milhões USD, é financiado em 320 milhões USD pelo Banco Mundial, sendo os 100 milhões USD, provenientes do Tesouro Nacional. É implementado pelo FAS, agência governamental, dotada de personalidade jurídica, autonomia financeira e administrativa. Em coordenação com outras instituções de combate à pobreza, o FAS contribui para a promoção do desenvolvimento sustentável e redução da pobreza nas comunidades.